Minicursos da ERES 2020


Gustavo Sabior Antoniassi (Mandic)

Título: Testes Automatizados e Integração Contínua na Prática (MC 1)


Data: 20/05/2020 (Quarta-Feira) e 21/05/2020 (Quinta-Feira)
Hora: 10h:30m - 12h:00m (3,0 horas)
Local: Bloco C56 (DIN) - LIN1 sala 12 (Térreo)

Resumo: Entenda a importância de testar seu código utilizando o JUnit, com uma metodologia mão na massa. Aprenda também a automatizar esses testes e outros processos necessários para a entrega do seu código adotando a Integração Contínua (CI) com o Jenkins.

Bio: Bacharel em Sistemas de Informação pela UNIPAR de Umuarama, Certified Solutions Architect pela AWS, apaixonado por Cloud, arquitetura e Linux. Atua como DevOps no time de engenharia da Mandic Cloud Solutions, auxiliando clientes em sua jornada para a nuvem.


Esp. Fernando Godói (PagSeguro)

Título: Migrando Monolitos para Microsserviços (MC 2)


Data: 20/05/2020 (Quarta-Feira)
Hora: 15h:30m - 18h:00m (2,5 horas)
Local: Bloco C56 (DIN) - LIN1 sala 12 (Térreo)

Resumo: O perfil dos usuários de software mudou com passar dos anos e o surgimento das StartUps fez com que empresas atuantes a muitos anos buscassem alternativas para que seus produtos pudessem acompanhar a evolução do mercado respondendo rapidamente a mudanças de comportamento de seus usuários e, desta forma, fazendo com que seus produtos não caíssem em desuso. O termo microsserviços passou de Hype para padrão de arquitetura fortemente recomendado para que empresas ganhasse a capacidade de responder cada vez mais rápido a mudanças e pudessem entregar soluções em curtos espaços de tempo. Mais como fazer isso se sua empresa possui um software de grande porte funcionando a muitos anos sem parar toda a operação gerando um prejuízo financeiro e ainda assim, seguir entregando novas soluções para não ficar para trás na corrida para adquirir novos usuário e realizar parcerias? Neste curso, iremos abordar uma forma de migração de monolito para microsserviços utilizando Change Data Capture.

Bio: Atualmente é Especialista em Desenvolvimento Software e Líder Técnico no PagSeguro. Também é professor nos cursos de Pós-Graduação em educação a distância da Uniara. Possui 10 anos de experiência no desenvolvimento de aplicações web dos quais 8 são focados em soluções para o mercado financeiro. Graduado pela Universidade Paranaense - Unipar campus Paranavaí e MBA na Faculdade Cidade Verde FCV - Maringá.


Esp. Lucas Rodrigo Benedetti Telles (CRMall)

Título: UX da Questão (MC 3)


Data: 20/05/2020 (Quarta-Feira)
Hora: 15h:30m - 18h:00m (2,5 horas)
Local: Bloco C56 (DIN) - LIN2 sala 10 (Térreo)

Resumo: “User Experience”, ou Experiência do Usuário, é algo que vem sendo muito falado nos últimos anos, mas ainda gera muita confusão em relação ao que realmente se refere. No minicurso vamos abordado o surgimento do termo e sua definição, com base no pensamento de Dom Norman, as áreas e atividades à que UX abrange, as diferenças entre o que conhecemos como design e UX Design. Também falaremos sobre processos de trabalho, dentro de empresas de tecnologia, envolvendo a área de Experiência do Usuário, sua importância para a melhoria das soluções criadas e assertividade no desenvolvimento das mesmas.

Bio: Atua como analista de qualidade e UX Designer, graduado em Publicidade e Propaganda e se especializando em UX Designer e Learning Experience, estando na área de TI há mais de 10 anos.


Roberto Elero Junior (iFood)

Título: Arquitetura Hexagonal (MC 4)


Data: 21/05/2020 (Quinta-Feira)
Hora: 15h:30m - 18h:00m (2,5 horas)
Local: Bloco C56 (DIN) - LIN1 sala 12 (Térreo)

Resumo: Também conhecida como arquitetura de portas e adaptadores (ports and adapters), a arquitetura hexagonal tem como objetivo tornar código de domínio/negócio independente e separado de detalhes técnicos de implementação como frameworks e bancos de dados. A arquitetura apresenta o conceito de "dentro" (domínio/negócio) e "fora" (frameworks, bancos de dados). Dessa forma, se torna possível usar diferentes atores para execução de sua aplicação, como por exemplo usuários, outros programas, testes automatizados ou uma simples linha de comando. Além disso, a arquitetura hexagonal permite que sua aplicação seja desenvolvida de forma independente e isolada de fatores externos, como a interface WEB ou o banco de dados. Este minicurso tem como objetivo apresentar a arquitetura hexagonal e como ela pode ser utilizada para melhorar a produtividade do desenvolvimento de software e a manutenabilidade das aplicações.

Bio: Atualmente é desenvolvedor Java no iFood. É certificado pela Oracle e AWS com 9 anos de experiência em desenvolvimento desktop, aplicações web, e desenvolvimento para dispositivos móveis na plataforma Android. É graduado em Sistemas de Informação na UENP, Campus Luiz Meneguel. É apaixonado por empreendedorismo, resolução de problemas e música.


Prof. Dr. Gabriel Costa Silva (UTFPR - Cornélio Procópio)

Título: Desenvolvimento Rápido de Aplicações Usando Ferramentas "Low Code" (MC 5)


Data: 21/05/2020 (Quinta-Feira)
Hora: 15h:30m - 18h:00m (2,5 horas)
Local: Bloco C56 (DIN) - LIN2 sala 10 (Térreo)

Resumo: Ferramentas 'Low Code' permitem criar uma variedade de aplicações usando pouco código. O resultado prático é que mesmo profissionais com pouco ou nenhum conhecimento de engenharia de software são capazes de criar aplicações profissionais com poucos cliques. Outra vantagem dessas ferramentas é a agilidade. Mesmo profissionais experientes podem usar essas ferramentas para desenvolver rapidamente protótipos ou partes repetitivas em aplicações, como CRUDs, por exemplo. Neste curso, vamos apresentar algumas ferramentas 'Low Code' gratuitas que podem ser usadas para o desenvolvimento rápido de aplicações Web responsivas.

Bio: Doutor pela University of York (2017), possui 3 certificações Java além da OMG Certified UML Professional. Atuou na indústria por 11 anos em uma distribuidora da ABInBev. Na academia, atua como professor do magistério superior desde 2008, ministrando disciplinas na área de Engenharia de Software. Atua como pesquisador desde 2004, desenvolvendo pesquisa nas áreas de Orientação a Aspectos, Serviços Web e Computação em Nuvem/Cloudware. Atualmente é professor na UTFPR - campus Cornélio Procópio, onde trabalha em parceria com o IAPAR-EMATER, SENAR e EMBRAPA Soja no desenvolvimento de aplicações para o aumento da eficiência na coleta e análise de dados do Manejo Integrado de Pragas e Doenças da Soja.


Ms. Henrique Vignando (MentorsTec)

Título: Aplicando Data Science em Problemas de Negócio Reais (MC 7)


Data: 21/05/2020 (Quinta-Feira)
Hora: 19h:30m - 22h:30m (2,5 horas)
Local: Bloco C56 (DIN) - LIN1 sala 12 (Térreo)

Resumo: A "buzzword" do momento é Data Science. Mas a realidade é que o trabalho de ciência de dados já acontece há um bom tempo. Porém atualmente com o grande volume de dados e com surgimento de novas ferramentas e maior poder computacional é possível aplicar ciência de dados quem quase tudo que vemos, e além disso sistematizar todo este processo por meio da Engenharia de Dados. Neste curso vamos apresentar como é trabalhar com ciência de dados nos dias atuais, permeando entre conceitos, ferramentas e processos por trás de um projeto de Data Science.

Bio: Mestre em Ciência da Computação pela UEM. Líder técnico e engenheiro de dados e software na Mentorstec com 9 anos de experiência em desenvolvimento de software, 2 anos com enenharia de dados e 1 ano com liderança técnica. Palestrante no Pentaho Day 2019. Professor de curso técnico em desenvolvimento de sistema. Entusiasta cultural das rotinas e pipelines de dados, arquitetura de software, boas práticas e padronizações.


Esp. Neimar Chagas (MentorsTec)

Título: Arquitetura de Linha de Produto de Software para Projetos de Business Intelligence (MC 8)


Data: 22/05/2020 (Sexta-Feira)
Hora: 15h:30m - 18:00m (2,5 horas)
Local: Bloco C56 (DIN) - LIN1 sala 12 (Térreo)

Resumo: Em projetos de Business Intelligence (BI), sempre se fala em um modelo de dados dimensional, também conhecido como DW (Data Wharehouse), com a finalidade de modelar os dados para ganhar agilidade em consultas OLAP e também independência dos sistemas transacionais, de onde são as fonte de dados. Para responder as questões e preocupações de negócios em um projeto de BI é preciso modelar data marts para cada setor produtivo, seja ele, uma empresa, industria ou comercio. Construir pipelines de ETL robustas para povoar o DW. E criar dashboards e relatórios que responda às necessidades de BI. Uma LPS para BI vem atender esta necessidade em nível escalar, de tal forma que é possível implantar de modo relativamente barato em vários setores da economia um projeto de BI com um core asset que responda pelo menos 70% das necessidades. Neste minicurso será apresentado técnicas de construção de data marts para DW, pipeline de ETL e dashboards que servirão como core asset para uma LPS de BI.

Bio: Neimar Chagas possui graduação e pós-graduação na área de TI, com ênfase em gestão estratégia de empresas. Possui mais de 18 Anos de experiência em projetos de software, atuando no desenvolvimento, implantação e gerência de projetos. Deste tempo, 9 anos foram dedicados em projetos de Business Intelligence e Data Warehouse com Pentaho e outras tecnologias. Atualmente atua como Consultor de BI e CEO da Mentors Tecnologia (www.mentorstec.com.br).